terça-feira, 24 de novembro de 2009

QUAL É A NATUREZA EXATA DA RELIGIÃO?

A religião pertence à mente superior da humanidade. É o esforço da mente superior do homem de se aproximar, na medida de sua capacidade, de algo além dela, de alguma coisa a que a humanidede dá o nome de Deus ou Espírito, Verdade ou Fé, Conhecimento ou Infinito, uma espécie de Absoluto que a mente humana não pode alcançar e mesmo assim tenta fazê-lo. A religião pode ser divina na sua origem primária; na sua natureza presente não é divina, mas humana. Na verdade, melhor seria falar de religiões do que de religião, porque as religiões feitas pelos homens são inúmeras. Estas diferentes religiões, mesmo que não tenha tido a mesma origem, foram feitas a maior parte delas, do mesmo modo. Sabemos como a religião cristã começou a existir. Não foi certamente Jesus o responsável pelo que chamamos Cristianismo, mas alguns homens eruditos e muito engenhosos que uniram seus esforços e a moldaram tal qual a vemos. Não havia nada de divino no modo como foi formada, e também não há de divino no modo como funciona. E contudo o pretexto ou ocasião para sua formação foi, sem dúvida, alguma revelação do que poderia se chamar de Ser Divino, um Ser que veio de algum lugar, trazendo de uma região mais alta um certo Conhecimento e Verdade para a Terra. Ele veio e sofreu por sua verdade; mas muito poucos entenderam o que ele disse, muito poucos se interessaram em achar e conservar-se fiéis à Verdade pela qual ele sofreu. Buda retirou-se do mundo, sentou-se em meditação e descobriu um caminho que libertava o homem do sofrimento e mesérias terrestres,de toda a doença e morte, desejo e fome. Ele viu uma verdade que se esforçou em comunicar aos discípulos e seguidores, que se reuniram à sua volta. Masa mesmo antes dele deixar a forma física, seu ensinamento já começara a ser deformado e distorcido. Foi apenas depois de seu desaparecimento que o Budismo se firmou como uma religião plenamente desenvolvida, baseada no que se supõe ter sido dito por Buda e na suposta significação de seus enunciados.Mas bem cedo também, porque os discípulos e os discípulos dos discípulos não podiam concordar com o que o Mestre tinha dito ou queria significar com suas declarações, começou aparecer um batalhão de seitas e subseitas no corpo da religião-mãe: um caminho do Sul, um caminho do Norte, um caminho do extremo-Oriente, cada um proclamando ser o único, o original, a imaculada doutrina de Buda.



Conversas com a Mãe
Sri Aurobindo Ashram

Nenhum comentário: